jusbrasil.com.br
19 de Outubro de 2017
    Adicione tópicos

    Procuradora da Mulher Valéria Macedo e delegada da Mulher Kazumi Tanaka promoverão seminário na Alema

    A deputada estadual e procuradora da Mulher, Valéria Macedo (PDT), recebeu em seu gabinete, na última quarta-feira (17), a coordenadora das Delegacias da Mulher no Estado, Kazumi Tanaka e a Conselheira do Conselho de Mulheres Silvia Leite, onde participaram de uma reunião com a Diretora de TV Parlamentar da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão (Alema) Jacqueline Heluy e o advogado e professor universitário Marco Aurélio Gonzaga.

    A delegada Kazumi veio pedir o apoio institucional da Procuradoria da Mulher para a realização de um Seminário de Delegadas da Mulher a ser realizado no dia 31 deste mês a 02 de junho. Durante a reunião a procuradora da mulher se prontificou em contribuir com o evento e na oportunidade trataram de vários assuntos pertinentes a Procuradoria da Mulher e sobre as 19 Delegacias da Mulher existentes em todo o estado. Na reunião tratou-se sobre uma implantação de uma Delegacia da Mulher no município de Estreito.

    Além da capacitação das delegadas nas suas relações diárias e funcionais com os meios de comunicação social existentes no estado (TV, Jornais, blogs, sítios eletrônicos e demais mídias sociais), o seminário tratará de forma articulada com a mídia do Enfrentamento da Violência contra a Mulher, crimes sexuais, questões sobre a equidade de gênero e um atendimento mais humanizado. O Seminário de Delegadas com atuação no combate a violência contra mulheres será realizado no auditório Neiva Moreira, diretamente no Complexo de Comunicação da Assembleia Legislativa.

    “É importante este seminário na capacitação das delegadas, que lidam no dia a dia com a violência contra a mulher. Vamos trabalhar com diferentes temas como feminicídio, cibernéticos, um trabalho de atendimento de violência contra a mulher, políticas públicas sobre o enfretamento de violência contra mulher, violência de gênero, palestras. Será um momento bastante exitosos, vamos discutir estratégias para um atendimento mais humanizado”, explicou Kazumi.

    A conselheira e assistente social, Sílvia Leite relatou juntamente com a delegada os casos de violência contra a mulher. No hospital Socorrão II em 2017 houve 74 casos de violência contra mulher, sendo três estupros, de acordo com Leite. A delegada Kazumi afirmou que por ano são instaurados e concluídos cerca de 1200 inquéritos, e que aproximadamente de 15 a 20 ocorrências por dia de violência contra a mulher, só em São Luís, com maior índice de violência doméstica e familiar, seguida da violência física e psicológica.

    A Procuradora da Mulher Valéria Macedo solicitou uma Delegacia da Mulher para o município de Estreito. “Estreito tem uma posição privilegiada e é um grande município e, por isso, tem todas as condições e necessidades para receber uma Delegacia da Mulher, o que já venho pedindo aqui na Casa há muito tempo”, disse Valéria.

    De acordo com a delegada, Kazumi Tanaka foi encaminhado um projeto de lei para o executivo que solicita a criação de cinco regionais, todas com uma Delegacia da Mulher para os municípios de Estreito, Governador Nunes Freire, Buriticupu, Barreirinhas e Cururupu. A delegada ressaltou que o trabalho com a Assembleia é fundamental para que o público feminino tenha acesso à justiça, pois a delegacia é um dos principais acessos para as mulheres denunciar e buscar seus direitos e ressaltou a importância do trabalho que a Procuradora da Mulher, Valéria Macedo vem fazendo no enfrentamento da violência contra a mulher.

    “Será um excelente processo de empoderamento da mulher, na expansão das delegacias e consequentemente na rede de serviço de proteção da mulher em situação de violência. Sabe-se que delegacia da mulher é uma das principais portas de entrada na violência contra a mulher, acesso à justiça. O trabalho com a Assembleia junto com a procuradora da mulher, Valéria Macedo é fundamental para que a Casa Legislativa promova essa discussão”, enfatizou Tanaka.

    A Delegacia da Mulher em São Luís fica localizada na Avenida Beira Mar e conta com a estrutura de quatro delegadas, seis escrivães, 11 policiais para captura, registro e intimação. Em dezembro a delegacia comemora seus 30 anos.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)