jusbrasil.com.br
24 de Setembro de 2018
    Adicione tópicos

    Roberto Costa anuncia translado de restos mortais de bispo para Bacabal

    O deputado estadual Roberto Costa (MDB) anunciou o translado dos restos mortais de Dom Frei Pascásio Rettler, primeiro bispo de Bacabal (MA), para a diocese do município, no dia 15 de setembro. O evento marcará o jubileu de 50 anos da diocese de Bacabal.

    Atendendo a regras estabelecidas pela Igreja Católica e a um pedido do arcebispo de São Luís, Dom José Belisário, os restos mortais do religioso serão transladados no sábado (15) para a Igreja Porta Aberta, sede Episcopal do Bispo Diocesano de Bacabal. A cerimônia, rara na história da Igreja, envolverá autoridades religiosas, desde a exumação em Sorocaba (SP), onde atualmente se encontra o túmulo de Dom Pascásio, até Bacabal.

    O bispo de Bacabal, Dom Armando, ressaltou a contribuição de Dom Frei Pascásio para a diocese. “Dom Pascásio reorganizou e estruturou a diocese de Bacabal. Sua principal missão foi evangelizar. Ele se preocupou com a catequese da igreja. Esse momento é importante para nós, pois resgata a história da diocese de Bacabal”, ressaltou.

    O deputado destacou a importância do retorno dos restos mortais para Bacabal. “Para a comunidade católica é um incentivo maior para que a luta cristã continue em Bacabal e que sirva de incentivo para toda a comunidade maranhense. Uma luta dedicada ao próximo e sempre em defesa dos direitos dos menos favorecidos. E é com muita alegria que fazemos essa homenagem, em nome de todo o povo da nossa querida Bacabal”.

    Em Bacabal, a expectativa para receber os restos mortais do bispo é grande. No dia 15 de setembro, às 16h, a comunidade católica da cidade acolherá os restos mortais de Dom Frei Pascásio Rettler, na Sé Catedral de Bacabal, e depois, percorrerá as principais ruas da cidade, chegando à Praça da Igreja Matriz São Francisco das Chagas, onde será celebrada missa solene dentro da programação do Festejo de São Francisco das Chagas. O bispo do Xingu no Pará, Dom João, presidirá a Eucaristia, ao lado do bispo diocesano Dom Armando, demais padres e diáconos da cidade.

    História

    Dom Frei Pascásio Rettler nasceu em 26 de janeiro de 1915, na Alemanha. Seus pais o deram uma educação cristã sólida, em que descobriu sua vocação para a Vida Religiosa Franciscana. Em 3 de maio de 1935, desembarcou no Brasil para continuar os estudos no Seminário. Dom Pascásio foi nomeado pelo Papa Paulo VI, em 24 de julho de 1968 e sagrado bispo em 12 de setembro de 1968, na Alemanha. Aos 89 anos de idade, faleceu em Sorocaba, no dia 16 de setembro de 2004.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)