jusbrasil.com.br
15 de Outubro de 2019
    Adicione tópicos

    Zé Inácio cobra reabertura de agências do BB em Santa Helena e outros municípios

    O deputado Zé Inácio (PT) usou a tribuna da Assembleia, na última terça-feira (9), para cobrar do Banco do Brasil a reabertura de agências nas cidades de Santa Helena e Itinga.

    Após assalto ocorrido dia 4 de setembro deste ano, a agência de Santa Helena precisou ser fechada, o que tem ocasionado transtornos a aposentados, funcionários públicos e clientes em geral, que precisam se deslocar por mais de 40km até a cidade de Pinheiro para utilizar os serviços da instituição bancária.

    Em agosto, a agência de Santa Luzia também foi alvo de ação criminosa e, desde então, segue com os serviços limitados. Já em Itinga do Maranhão, o funcionamento da agência do BB está suspenso desde 2017.

    “Nós temos vivenciado situações em que os municípios ficam sem agências bancárias ou fechadas por mais de meses ou anos. É o caso da agência do Banco do Brasil do município de Itinga. Em Santa Helena, a população não está tendo oportunidade de realizar transações comerciais, depósitos, saques, e o mais grave, os comerciantes têm de se deslocar até Pinheiro, percorrendo um deslocamento de mais de 40 quilômetros para honrar seus compromissos. Aqueles que não se dirigem a Pinheiro, por medo de assalto no decorrer do trajeto, estão guardando suas economias em casa”, disse.

    O parlamentar pediu o apoio dos colegas para que possam se unir e cobrar das instituições financeiras, em especial do Banco do Brasil, a retomada das atividades de forma regular, garantindo a dinâmica da economia dos municípios.

    “Eu acho que é um desrespeito aos aposentados, aos funcionários públicos, à população de um modo geral, ao pequeno e médio produtor, aos comerciantes, aos empresários dessas cidades, como de Santa Helena, pois os bancos não têm o mínimo de respeito e não agem rapidamente para que as agências voltem a funcionar.” disse.

    O parlamentar também destacou o fato dos bancos usarem o problema da segurança pública para implementar políticas de contenção de gastos. “Nós presenciamos isso muito claramente em 2017 e 2018 e, atualmente, com a política do Governo Federal. Eles entendem que têm que fazer um enxugamento, uma redução das agências, o que reflete em uma redução do quadro de funcionários e demissões. Dada a política implementada pelo Banco do Brasil, que se associa ao argumento da falta de segurança para fechar agências, as desculpas passam a ser os assaltos e a falta de condições de manter a agência funcionando”.

    Zé Inácio propôs a criação de uma comissão composta por parlamentares para discutir esse tema com o Banco do Brasil e demais instituições financeiras que atuam no Maranhão. “Sugiro que formemos uma comissão para tratar desse tema com a Secretaria de Segurança do Estado. Sobretudo, pedir uma audiência à Superintendência das Instituições Financeiras, como do Caixa Econômica e, principalmente, do Banco do Brasil, para que nós, deputados representantes do povo, possamos discutir um meio de sanar esse problema.”, disse.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)